Institucional > FIEP

Fórum identifica líderes e ações

Presidente da Fiep, Rodrigo da Rocha Loures, considera que o planejamento estratégico para o desenvolvimento do Estado se dará com a aliança entre a sociedade e os meios de comunicação

O presidente do Sistema Federação das Indústrias do Estado do Paraná, Rodrigo da Rocha Loures, afirmou nesta quarta-feira (27/07), durante a abertura do Fórum Futuro 10 Paraná, em Londrina, que dar visibilidade aos líderes regionais e as ações positivas que estão sendo praticadas no Estado é essencial para que o Paraná construa o seu planejamento estratégico. “Sem conhecer a realidade estadual e as potencialidades das pessoas não será possível aos paranaenses estabelecer políticas convergentes que visem o crescimento de toda a sociedade, a geração de empregos, renda e melhor qualidade de vida”, disse.



Para Rocha Loures, a parceria entre as entidades de classes, como a Fiep, e a Rede Paranaense de Comunicação (RPC) é essencial neste processo. “A visão de Francisco Cunha Pereira vai permitir que possamos disseminar e democratizar as informações necessárias aos políticos e líderes da sociedade civil”, afirma o presidente da Fiep. “Nosso papel é buscar o desenvolvimento da nossa gente e da nossa terra”, complementa o vice-presidente da RPC, Mariano Lemanski.



Rocha Loures considera que este tipo de debate permite que os atores paranaenses tenham as informações necessárias para a tomada de decisões em benefício de milhares de pessoas. “Devemos desenvolver determinadas qualidades, seja de qualidade de vida, segurança, educação, desenvolvimento sustentável e meio ambiente. Este planejamento vai permitir encontrar estas qualidades e possibilitar um plano estratégico para ao Estado”, afirma o representante do Instituto Paraná Desenvolvimento (IPD), Carlos Alberto Gloger.



O presidente da Fiep diz que o Norte do Paraná é um ponto de referência do Estado. “Os exemplos de competitividade acontecem nos Arranjos Produtivos Locais, como de Apucarana e arapongas”, afirma. “Estas boas idéias e ações serão levantadas pelo Instituto Paraná Desenvolvimento, que compilará as informações e ajudará a consolidá-las. Desta maneira, estamos dando um passo avançado”, avalia Gloger.

About Author