Institucional > FIEP

Sistema Fiep investe em parcerias no exterior

Intercâmbio de experiências e tecnologias fortalecem setores industriais do Paraná

O Sistema Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep) está investindo cada vez mais na qualificação de seus profissionais e serviços e no intercâmbio de experiências e tecnologias por meio de convênios com centros de referência estrangeiros. Para buscar novas tecnologias e expandir o potencial das indústrias moveleira e automotiva, duas equipes de técnicos do Senai estão neste momento participando de missões na Alemanha e Canadá.

A missão que está na Alemanha tem como objetivo visitar fornecedores de máquinas e equipamentos para firmar parcerias e promover o intercâmbio de tecnologias. “Iremos firmar novas parcerias para comodato de máquinas e equipamentos, visando atender a realidade do pólo moveleiro de Arapongas e das extensões do Centro Nacional de Tecnologia da Madeira e Mobiliário (Cetmam), na Região Metropolitana de Curitiba, em Guarapuava e União da Vitória”, explica o coordenador dos setores técnico e tecnológico do Senai, Reinaldo Tockus, que integra a missão.

Outra finalidade da missão é rever o acordo de cooperação técnica e financeira entre o Senai-PR e o Estado alemão de Baden-Württemberg, e o convênio entre o Senai/Cetmam e a Escola Técnica de Madeira e do Mobiliário de Sttutgart. “Iremos estruturar os convênios e prospectar as ações para o próximo ano”, afirma Tockus. De acordo com a gerente do Cetmam, Márcia Donegá Ferreira Leandro, a transferência de conhecimento e novas tecnologias é de extrema importância para o crescimento do setor.

“A parceria que mantemos com a Alemanha permite o nosso como centro de excelência em tecnologia no setor”. O convênio entre o Senai-PR e Estado de Baden-Württemberg foi firmado em 1993 – ano em que foi criado o Cetmam – e tem como objetivo alavancar o potencial da indústria da madeira e do mobiliário no Paraná, através da transferência de conhecimentos entre especialistas alemães e paranaenses. O acordo de cooperação técnica com Stuttgart foi firmado em 1999 e prevê diversas atividades de intercâmbio entre especialistas alemães e paranaenses na área da madeira e mobiliário, além da participação em feiras na área. No final de abril, técnicos do Senai e seis empresários paranaenses da indústria madeireira visitaram feiras de móveis, acessórios e máquinas para a indústria moveleira com o objetivo de conhecer o que há de mais moderno no setor madeireiro internacional e firmar parcerias.


Canadá – O grupo que está no Canadá faz parte do projeto dos cursos de Mecânica Automotiva e Eletrônica Embarcada ofertados pelo Senai. Os cursos são semi-presenciais, sendo que 32 horas são direcionadas para aulas à distância, través de mídia interativa, que consiste em um CD-ROM com todas as indicações, ilustrações e informações a respeito do assunto. As outras 24 horas destinam-se a aulas práticas. Para a execução dos cursos, o Senai firmou parceria com o Centro de Elaboração de Meios Educativos do Quebec (Cemeq), do Canadá, uma instituição que produz os meios educacionais do governo daquela região e é experiente na formação por competência.

O curso de Mecânica Automotiva formou sua primeira turma no final de junho, e o de Eletrônica Embarcada ainda está em fase de elaboração. A equipe do projeto partiu ao Canadá para apresentar o material do curso para o Cemeq, uma vez que todo o conteúdo é elaborado pela instituição canadense e adaptado à realidade brasileira.

About Author