Institucional > FIEP

Sistema Fiep tem Política de Propriedade Intelectual

Documento que formaliza as diretrizes de titulação dos trabalhos desenvolvidos dentro ou pelo Sistema foi assinado nesta quarta-feira, em Curitiba

clique para ampliar Diretor do Senai Paraná, João Barreto Lopes, e o presidente do Sistema Fiep, Rodrigo da Rocha Loures, assinaram resolução que institui a política (Foto: Gilson Abreu)

O Sistema Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep) já tem uma Política de Propriedade Intelectual. Uma resolução interna instituindo a política foi assinada na última quarta-feira (08) pelo presidente da entidade, Rodrigo da Rocha Loures e o diretor do Senai Paraná, João Barreto Lopes. O documento é define o tratamento do patrimônio gerado no Sistema Fiep como pesquisas e inovações de alunos, docentes, empresas, e marcas e patentes.

De acordo com a gerente do Inova Senai, Sonia Parolin, a federação do Paraná e a do Rio de Janeiro são as únicas do Brasil a terem uma política de propriedade intelectual que abrange todas as entidades do Sistema – Fiep, Sesi, Senai, IEL e Unindus.

Segundo Rodrigo da Rocha Loures, a medida está em sintonia com as ações em prol da inovação desenvolvidas na entidade. “Isso resguarda e auxilia o gerenciamento do patrimônio intelectual do Sistema, assim como incentiva ainda mais a atividade inventiva de colaboradores e também dentro das indústrias”, considera o presidente. A Política de Propriedade Intelectual começa a valer no Sistema Fiep a partir deste mês. Todo o estudo para a elaboração do documento foi desenvolvido pelas áreas compartilhadas do Sistema.

About Author