Sesi promove recolocação de trabalhadores com mais de 50 anos na indústria

O programa, também chamado de Uni Inversidade, vai oferecer bolsas integrais para os alunos da primeira turma

Estimativas do IBGE apontam que a população brasileira tem cerca de 16 milhões de pessoas com mais de 65 anos. No entanto, de acordo com dados da Relação Anual de Informações Sociais (Rais) de 2015, apenas 137,6 mil (0,3%) delas ocupam vagas formais no mercado de trabalho. Para reverter esses números, o Sistema Fiep, por meio do Sesi no Paraná, lança o programa A Reinvenção do Trabalho 60+ na Indústria.

A iniciativa, parceria com a Uni Inversidade, prepara trabalhadores com mais de 50 anos de idade para um novo ciclo de vida e trabalho. Nessa primeira etapa do programa, o Sesi oferece bolsas integrais para a primeira turma. Podem participar pessoas com mais de 50 anos de idade e que tenham concluído o ensino médio. As inscrições devem ser feitas no link https://goo.gl/forms/qRO5Lz6tyAe23Rvs2.

O programa vai até o dia 05 de fevereiro e é dividido em dois módulos. Durante o período, os alunos desenvolvem habilidades de autoconhecimento, análise retrospectiva/prospectiva, atualização de portfólio e imersão em indústrias inovadoras, entrando em contato com desafios estratégicos e desenvolvendo soluções. De acordo com a analista da assessoria de Projetos Estratégicos do Sesi no Paraná, Aline Calefi, o público dessa faixa etária cita a concorrência com pessoas mais jovens, a rapidez das plataformas de emprego digitais e até a própria idade como fatores que prejudicam a recolocação no mercado. “Ao final do programa, os participantes saem fortalecidos com um portfólio de trabalhos e uma nova rede de relacionamentos. Eles também redefinem seu propósito de vida e elegem as alternativas mais adequadas para se realizarem profissionalmente, com uma vida profissional ativa e saudável”, explica.

Cronograma

O primeiro módulo do programa acontece no período de 24 de outubro a 12 de dezembro, no Campus da Indústria do Sistema Fiep, com atividades às terças-feiras, das 14h às 18h. Nesse mesmo período, haverá uma sessão online a ser agendada. Já o segundo módulo acontece de 16 de janeiro a 06 de fevereiro, quando será realizada a vivência nas indústrias e os participantes terão em torno de 20 horas de atividades por semana. Mais informações e inscrições gratuitas no link https://goo.gl/forms/qRO5Lz6tyAe23Rvs2.