Editorias Fiep > Sustentabilidade

Evento marca encerramento de etapa do Projeto Gestão Sustentável para Competitividade

Sistema Fiep entrega certificados a micro e pequenas empresas participantes

Mais uma etapa do Projeto Gestão Sustentável para a Competitividade das Micro e Pequenas Empresas (MPE’s) estará concluída no dia 01 de fevereiro, quando 42 representantes de micro e pequenas empresas do Paraná recebem os certificados de participação na consultoria oferecida pelo Sistema Fiep.

Iniciado em 2011 com a assinatura de um termo de adesão entre o Sesi no Paraná, o Departamento Nacional do Sesi e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), o Projeto Gestão Sustentável para a Competitividade das Micro e Pequenas Empresas (MPE’s) objetiva melhorar o desempenho e aumentar a capacidade competitiva das empresas de micro e pequeno porte, por meio de consultoria que mapeia áreas como tecnologia e inovação, gestão, segurança e saúde no trabalho e meio ambiente, para ajudar os empresários a executarem ações que melhoram a eficiência do negócio.

“Acreditamos que podemos contribuir para o aumento da competitividade das micro e pequenas empresas por meio desse projeto, que traz como princípio o desenvolvimento sustentável”, afirma o superintendente do Sesi e do IEL e diretor do Senai no Paraná, José Antonio Fares.

Participação ativa

Os sindicatos das Indústrias Gráficas do Estado do Paraná (Sigep), das Indústrias Madeireiras e Moveleiras do Sudoeste do Paraná (Sindimadmov, de Francisco Beltrão), das Indústrias de Papel e Celulose do Paraná (Sinpacel) e da Indústria de Tecnologia da Informação do Paraná (Sinfor, de Londrina) tiveram participação ativa no projeto, indicando empresas associadas.

“No Paraná, o setor de papel e celulose é composto majoritariamente de micro e pequenas empresas. Alguns segmentos chegam a representar 95% do setor. Olhar para elas e buscar ações que contribuam para o seu desenvolvimento está no cerne da atuação do Sinpacel, que encontrou uma oportunidade de melhorar o desempenho delas junto com o Sesi no Paraná”, afima Rui Gerson Brandt, presidente do Sindicato das Indústrias de Papel, e Ceulose e Pasta de Madeira e Papel, Papelão e de Artefatos de Papel e Papelão do Estado do Paraná (Sinpacel/ Paraná). “O Sinpacel auxilia com o fornecimento de informações sobre o setor no Paraná, bem como na mobilização e indicação de empresas que possuem o perfil necessário para aderir ao Projeto. O SESI, por sua vez, fomenta nestas MPEs um olhar para dentro, trazendo à luz a adoção de novos valores e práticas de gestão voltadas a saúde, segurança e produtividade.”

De acordo com o presidente do Sigep, Abílio Santana, “o Projeto de Gestão Sustentável para a Competitividade das Micro e Pequenas Empresas trouxe a consciência do papel da empresa, independentemente do tamanho dela. Mostrou que a empresa precisa ser sustentável para sobreviver e que a aplicação dos indicadores de gestão, apontando os pontos fracos e fortes, é o caminho da melhoria contínua”.

Cesar Spanhol, presidente do Sindimadmov, destacou a importância da participação das empresas do setor. Para ele, o projeto mostrou que a reciclagem é necessária. “Mesmo que o assunto se repita, sempre será abordado de uma forma diferente, trazendo experiências e ideias novas dos outros participantes. Há uma interação maior e o contato com as outras empresas é sempre muito positivo”, disse.

Segundo Marcus Friedrich von Borstel, presidente do Sinfor, 11 empresas associadas ao sindicato aderiram ao projeto. E a opinião dos participantes foi unânime, com uma perspectiva que superou em muito a expectativa. “A sistemática adotada, o envolvimento e a dedicação dos organizadores para o aproveitamento dos empresários foram imprescindíveis para que o projeto chegasse ao término com êxito. Para o ano que vem, pretendemos reunir os representantes de empresas participantes para saber como os temas abordados ao longo do projeto estão sendo aplicados”.

Diagnóstico

Na primeira edição, em 2012, 60 empresas paranaenses participaram. No diagnóstico, composto por 32 indicadores, as indústrias priorizaram três para a elaboração do plano de ação, com propostas de melhorias. No Brasil, 360 empresas participaram.

Já a segunda edição, desenvolvida a partir de setembro de 2016, reuniu os representantes de 42 MPE’s. Eles recebem os certificados no dia 1.º de fevereiro, em solenidade que vai ser realizada no Campus da Indústria, a partir das 9 horas.

A terceira etapa do projeto teve início em setembro de 2017, com conclusão prevista para novembro de 2018.

Serviço:
Entrega de certificados de participação no Projeto Gestão Sustentável para a Competitividade das Micro e Pequenas Empresas
Dia 01 de fevereiro de 2018
Das 9h às 11h
Auditório II da Escola de Gestão – Campus da Indústria do Sistema Fiep

About Author