Sistema Fiep promove ações de segurança e saúde durante Abril Verde

O mês de abril é dedicado à prevenção de acidentes de trabalho e doenças ocupacionais

De acordo com dados do Ministério Público do Trabalho (MPT) divulgados em março desse ano, só em 2018, as despesas com acidentes de trabalho já somam quase R$ 800 milhões. Entre 2012 e 2017, esses acontecimentos custaram R$ 26 bilhões para a Previdência Social e atualmente o Paraná ocupa o quarto lugar no ranking brasileiro de acidentes, segundo a Organização Internacional do Trabalho (OIT). Atuando para promover e proteger a saúde do trabalhador, com a efetiva prevenção e redução desses índices, o Sistema Fiep, por meio do Sesi no Paraná, apoia e participa do movimento nacional Abril Verde.

A campanha surgiu em 2014 e é resultado de uma iniciativa do Sindicato dos Técnicos de Segurança do Estado do Paraná (Sintespar). Considerando que o dia 7 de abril é o Dia Mundial da Saúde e o dia 28 de abril foi escolhido pela OIT como o dia Mundial em Memória às Vítimas de Trabalho e de Doenças Ocupacionais, o mês concentra as ações do Abril Verde. O objetivo do movimento é reduzir os acidentes de trabalho e os agravos à saúde do trabalhador, mobilizando a sociedade, órgãos de governo, empresas, entidades de classe, associações e federações.

Apesar do alto índice de acidentes registrados, é possível reverter esses números, principalmente por meio da prevenção. De acordo com a coordenadora de Segurança e Saúde do Sesi no Paraná, Juliana Cipriani, prevenir e atender à legislação continua sendo a melhor opção. “O Sesi é atualmente o maior parceiro das indústrias no desenvolvimento de ações e soluções voltadas para o bem-estar do trabalhador. Uma indústria saudável é feita com trabalhadores saudáveis. Garantindo a qualidade de vida do colaborador, promovemos também uma indústria mais segura e saudável”, garante Juliana.

Projetos e soluções

A gerente executiva de Segurança e Saúde do Sistema Fiep, Rosangela Fricke, explica que ao proteger a saúde do funcionário, a indústria cumpre a legislação e também evita custos futuros com afastamentos e tratamentos. “Oferecemos diferentes modelos e programações para as empresas e o projeto acontece durante o ano inteiro visando a melhoria do desempenho dos trabalhadores na indústria”, afirma. Por ser uma empresa referência no assunto, em 2017, o Sesi, inclusive, recebeu o prêmio Marca Brasil em três categorias: melhor marca de Ginástica Laboral, melhor marca de Medicina Ocupacional e melhor marca de Serviços de Sipat do Setor de Segurança e Saúde no Trabalho.

Cada empresa pode solicitar o serviço que melhor se adequar às necessidades da organização. Além de auxiliar as empresas a se adequar às exigências legais, o Sesi oferece consultorias em segurança e saúde no trabalho com uma equipe multidisciplinar e vasta experiência na área. Esses serviços são customizados e têm como objetivo a redução de custos relacionados aos afastamentos, FAP, entre outros, além de promover soluções que visam o bem-estar do trabalhador.

Entre as consultorias oferecidas, há uma específica em eSocial, que orienta as empresas no atendimento e na correta implementação da plataforma que permite cruzar informações e enviar aos órgãos governamentais, incluindo as comunicações relacionadas aos acidentes de trabalho.

Empresas interessadas podem buscar mais informações em www.sesipr.org.br ou procurar a unidade do Sesi mais próxima para agendamento de visita.