Sistema Fiep lança sua primeira Aceleradora no interior do Paraná

Unidade fica em Pato Branco, região sudoeste do estado, e é a primeira de oito que serão lançadas no interior, além da Aceleradora do Campus da Indústria, em Curitiba

O Sistema Fiep lança, no dia 9 de agosto, às 19h, a sua primeira Aceleradora no interior do Paraná. Localizada em Pato Branco, região sudoeste do estado, a Aceleradora fica nas dependências da Casa da Indústria e tem capacidade para incubar até cinco startups. O objetivo é promover o desenvolvimento de empreendimentos com perspectiva de mercado e crescimento em escala. O evento de lançamento da Aceleradora Pato Branco contará com a presença do presidente do Sistema Fiep, Cláudio Petrycoski. “Pato Branco vem se destacando como um dos principais polos tecnológicos de nosso estado. Com a implantação da Aceleradora, o Sistema Fiep contribui ainda mais para o desenvolvimento de novos negócios inovadores no município”, afirma. “O investimento em inovação é fundamental para a geração de mais empregos, renda e oportunidades, por isso estamos replicando no interior do estado um modelo que já apresenta bons resultados na capital”, acrescenta.

Em Curitiba, a Aceleradora Sistema Fiep existe há sete anos, já graduou 14 startups e atualmente acelera 14. Com a inauguração em Pato Branco, os empreendedores da região terão a oportunidade de receber mentoria, estabelecer uma boa relação com a indústria e colocar o seu produto no mercado de forma assertiva. Entre este ano e o primeiro semestre do ano que vem também está previsto o lançamento de outras sete aceleradoras pelo Paraná, em Londrina, Maringá, Toledo, Cascavel, Ponta Grossa, Francisco Beltrão e uma segunda unidade na capital paranaense, no bairro Cidade Industrial de Curitiba (CIC).

“Com as novas unidades vamos potencializar ainda mais o ecossistema de inovação dessas regiões. Um dos principais diferenciais da Aceleradora é conectar as startups com diversas indústrias, acelerando o processo de desenvolvimento do negócio. Nós disponibilizamos uma vasta estrutura, capaz de proporcionar desenvolvimento e aperfeiçoamento dos projetos, além de ampliar a rede de contato dos incubados e oferecer troca de experiências”, explica Rafael Trevisan, coordenador de Inovação, Gestão e Talentos do Sistema Fiep.

Para participar do programa da Aceleradora as empresas precisam ter um Mínimo Produto Viável (MVP), ou seja, um produto que tenha sua funcionalidade mínima implementada. Também é necessário que tenham as documentações completas e atualizadas. As startups podem ficar incubadas por até dois anos. Durante esse período, o Sistema Fiep ajuda a estruturar planos de ação e de negócios, desenvolvimento de portfólio de produtos e serviços, além de levantar potenciais investidores e clientes. O objetivo é desenvolver empresas que têm um negócio com perspectiva de mercado e crescimento em escala, com produto, serviço ou processo inovador que gere impacto social ou ambiental.

Serviço:

Lançamento Aceleradora Sistema Fiep de Pato Branco

Data: 09 de agosto de 2018
Hora: 19 horas
Local: Casa da Indústria – R. Pedro Vieira, 120 – Trevo Patinhos

SOBRE O SISTEMA FIEP

O Sistema Fiep é composto pela Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep), Serviço Social da Indústria (Sesi), Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e Instituto Euvaldo Lodi (IEL). As instituições trabalham integradas em prol do desenvolvimento industrial. Com linhas de atuação complementares, realizam a interlocução com instâncias do poder público, estimulam o fomento de negócios nacionais e internacionais, a competitividade, a inovação, a tecnologia e a adoção de práticas sustentáveis, e oferecem serviços voltados à segurança e saúde dos trabalhadores, à educação básica de crianças, jovens e adultos, à formação e aperfeiçoamento profissional, à formação de nível superior, além de capacitação executiva. Sistema Fiep: nosso i é de indústria.