Desvendar 4.0’ esclarece dúvidas sobre transformação digital dentro das indústrias

Promovido pela Confederação Nacional das Indústrias e com a realização do Sistema Fiep, o evento exibiu palestra nacional do empreendedor brasileiro, Silvio Meira

“Não há forma mais rápida de prever o futuro do que ir até ele”, destacou o cientista, professor e empreendedor brasileiro Silvio Meira, durante sua palestra exibida por streaming pela Confederação Nacional das Indústrias (CNI) na noite de 12 de setembro. A palestra foi transmitida pelo Sistema Fiep no ‘Desvendar 4.0’, evento que trouxe orientações para empresários, gestores de produção e RH, que gostariam de entender e aplicar os conceitos da Indústria 4.0 em suas empresas. O objetivo foi desmistificar o conceito e mostrar que qualquer indústria pode se adaptar e realizar a transformação digital.

A palestra enfatizou sobre a urgência da mudança dentro das indústrias. “O mundo vai se digitalizar em cinco anos. As empresas que não estiverem preparadas e não se adaptarem, correm o risco de perderem mercado e declararem falência, como aconteceu com a Kodak, empresa sólida na área de fotografia, que declarou falência após o surgimento da digitalização das fotos”, explicou. “Para fabricantes é fundamental entender as aplicações de big data, internet das coisas e inteligência artificial, essas tecnologias automatizam o trabalho e proporcionam maior competitividade no mercado atual”, disse.

Também foram apresentados os serviços oferecidos pelo Sistema Fiep, incluindo os dos Institutos Senai de Tecnologia (ISTs). Felipe Couto, gerente de Tecnologia e Inovação do Sistema Fiep, destacou que o evento foi uma maneira de aproximar gestores e a instituição. “Aqui no Paraná, levamos a visão do Sistema Fiep, por meio das soluções do Senai e IEL, para que a indústria conheça o tema e saiba que o Sistema está à disposição e pronto para orientar. Muitos pensam que indústria 4.0 é só ter um robô, mas é mais do que isso, é uma revolução mais profunda. O nosso papel é dar dimensão de tudo o que essa mudança representa na prática”, comentou.

Os analistas de desenvolvimento e logística da Volvo, João Lemes e Lilian Kaes, participaram do evento com o objetivo de entender melhor a aplicação da indústria 4.0. “Estamos procurando entender o que as outras indústrias estão fazendo e conhecer outros pontos de vista, desvendando a nível Brasil, o que é possível e o que existe de fato, na prática. Observamos que o Senai está muito avançado nisso, desenvolvendo pessoas para o futuro, sendo uma referência”, ressaltam.

Para esclarecer dúvidas e fomentar a discussão sobre o assunto, ao final, foi promovido um debate entre especialistas e gestores, para gerar novos negócios e promover o desenvolvimento do mercado. Além de Curitiba, na unidade do Senai CIC, o evento aconteceu simultaneamente em cidades de todo o país. No Paraná, em Maringá, Ponta Grossa, Cascavel e Londrina.

SOBRE O SISTEMA FIEP

O Sistema Fiep é composto pela Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep), Serviço Social da Indústria (Sesi), Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e Instituto Euvaldo Lodi (IEL). As instituições trabalham integradas em prol do desenvolvimento industrial. Com linhas de atuação complementares, realizam a interlocução com instâncias do poder público, estimulam o fomento de negócios nacionais e internacionais, a competitividade, a inovação, a tecnologia e a adoção de práticas sustentáveis, e oferecem serviços voltados à segurança e saúde dos trabalhadores, à educação básica de crianças, jovens e adultos, à formação e aperfeiçoamento profissional, à formação de nível superior, além de capacitação executiva. Sistema Fiep: nosso i é de indústria.

About Author