Institucional > FIEP

Sistema FIEP e Unindus participam das Conferências COP8 E MOP3

Sistema Fiep organiza dois importantes eventos, envolvendo a ONU e o governo federal.


O Sistema Federação das Indústrias do Estado do Paraná, através da Universidade da Indústria (Unindus), está participando da organização dos eventos paralelos oficiais de duas importantes conferências da Organização das Nações Unidas (ONU) sobre desenvolvimento sustentável, que acontecem em março de 2006, no Centro de Convenções Expotrade.




O primeiro evento é a terceira edição do Encontro das Partes ou Meeting of the Parts (MOP3), com realização marcada para 13 a 17 de março. A sigla utilizada, no âmbito da Convenção sobre Diversidade Biológica (CDB), designa a Reunião das Partes, ou seja, Reunião dos Países Membros do Protocolo de Cartagena sobre Biossegurança. Neste encontro os representantes dos Países Membros analisam documentos e tomam decisões sobre as medidas necessárias à implementação e ao cumprimento do Protocolo.




O segundo evento é a oitava Conferência das Partes, ou Conference of the Parts (COP8), que acontece de 20 a 31 de março. Esta reunião de grande porte conta com a participação de delegações oficiais dos 188 membros da CDB (187 países e um bloco regional), além de observadores de países não associados, representantes dos principais organismos internacionais (incluindo os órgãos das Nações Unidas), organizações acadêmicas, organizações não-governamentais, organizações empresariais, lideranças indígenas, imprensa e demais observadores.




A Unindus, sob a coordenação de Marcos Mueller Schlemm, diretor da universidade, está participando do Fórum de Coordenação de Eventos Paralelos oficiais das duas conferências, que é liderado pela prefeitura municipal de Curitiba. O Fórum, de cunho local, está subordinado a dois outros níveis de organização dos eventos: o internacional (da ONU) e o nacional (do Ministério do Meio Ambiente). Do Fórum local participam membros de diversas instituições, que criticam e sugerem modificações, principalmente no que diz respeito à interface e coordenação com outros projetos apresentados pelas demais entidades.




O programa “Biodiversidade é Capital”, articula diversos projetos do Sistema Fiep que também farão parte dos eventos paralelos. Todos serão direcionados especificamente para as indústrias do Paraná das quais virão o maior número de cases em que o segmento industrial e a biodiversidade apresentam sinergias, como o setor florestal, madeireiro, papel e celulose, construção civil, entre outros.




Entre os projetos estão visitas técnicas às indústrias de base florestal, projetos audiovisuais que contemplem a biodiversidade, projeto de exposição fotográfica “Retratando a Mata das Araucárias”, ciclo de palestras “Design para a Biodiversidade” e o encontro “Comunidades Sustentáveis e Biodiversidade”.




É a primeira vez que o Brasil sedia as reuniões da CDB. A escolha se deu pela participação da Ministra Marina Silva na última COP, realizada na Malásia. A reunião da COP 8 deverá resultar na aprovação de importantes decisões de grande interesse para o país e de grande repercussão internacional.




Mais informações pelos sites:
www.cdb.gov.br
www.biodiv.org



About Author