Institucional > FIEP

Conferência da ONU

Sistema Fiep, através da Unindus, ajuda a organizar a capacitação para profissionais de imprensa que cobrirão as conferências sobre Biodiversidade e Biossegurança


Fiep participa da capacitação de jornalistas para conferência da ONU



Siglas como OGM, de Organismos Geneticamente Modificados, e RPPN, de Reservas Privadas de Patrimônio Natural, são pouco comuns no dia-a-dia do jornalista. Assim como estas expressões, várias outras serão muito empregadas durante as conferências das Nações Unidas sobre Biossegurança e Biodiversidade, que acontecem em Curitiba, em março.
Por isso, o Comitê Organizador Local, liderado pela prefeitura de Curitiba, responsável pelos preparativos da cidade para as reuniões da ONU, realizará uma capacitação direcionada a jornalistas de todo o país, que farão cobertura dos eventos. O objetivo é garantir ampla divulgação e visibilidade na mídia nacional e regional e também especializada.

O 3º Encontro das Partes do Protocolo de Cartagena sobre Biossegurança (MOP3) acontece de 13 a 17 de março. A 8ª Conferência das Partes da Convenção sobre Diversidade Biológica (COP8) será de 20 a 31 de março. Os encontros englobam temas e assuntos complexos e, por isso, necessitam de um entendimento maior por parte dos profissionais de imprensa.

A capacitação dos jornalistas, que acontece nos dias 13 e 14 de fevereiro, tem o apoio do Sistema Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep). A Universidade da Indústria (Unindus) participa da organização e a Federação também cedeu o espaço para o treinamento – que será no Centro de Eventos do Sistema Fiep.
As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo site www.cop8mop3.com.br. Ao todo são 120 vagas abertas para repórteres, cinegrafistas, fotógrafos, produtores e editores de grandes veículos de comunicação e de outros, especializados em meio ambiente.

Além de abordar a importância da mídia na cobertura das conferências, o programa da capacitação inclui explanações sobre a Convenção sobre Diversidade Biológica (CDB) e sobre o Protocolo de Cartagena. Jornalistas especializados no tema farão explanações. Também será apresentada a infra-estrutura disponível para o desenvolvimento do trabalho dos diferentes veículos de comunicação.

Biodiversidade é Capital – A capacitação para os jornalistas é um dos inúmeros eventos em que o Sistema Fiep participa, através da Unindus. Nestes eventos, a entidade estará promovendo diálogos para a aproximação entre interesses produtivos e conservacionistas. A Fiep aproveita a oportunidade da conferência para dar partida a um trabalho, mais amplo e continuado, de conscientização e discussão sobre biodiversidade.

A Unindus é participante do Fórum de Coordenação de Eventos Oficiais Paralelos das duas conferências, que tem caráter local e é coordenado pela prefeitura de Curitiba.

O projeto “Biodiversidade é Capital” articula diversos projetos do Sistema Fiep, que também farão parte dos eventos paralelos. Entre eles estão previstas visitas técnicas às indústrias de base florestal, projetos audiovisuais que contemplem a biodiversidade e a maneira como as indústrias trabalham o tema.

Estão previstas também exposições fotográficas sobre temas variados, além de uma exposição sobre Design para a Biodiversidade. “Esses eventos serão coordenados pela Unindus e estendidos às indústrias como forma de aproximar entidades conservacionistas, empresas, dirigentes e a sociedade em geral para uma grande discussão sobre biodiversidade”, afirma Marcos Mueller Schlemm, diretor da Unindus.

About Author