Institucional > FIEP

Sistema Fiep firma convênio com União Industrial Paraguaia

Termo de cooperação tem foco principalmente no intercâmbio entre instituições educacionais das duas entidades, visando a competitividade de micro e pequenas empresas

Campagnolo (à direita) cumprimenta o presidente da UIP, Eduardo Felippo

O Sistema Federação das Indústrias do Paraná (Fiep) assinou, nesta quarta-feira (2), um termo de cooperação técnica com a União Industrial Paraguaia (UIP) que tem como objetivo principal promover a competitividade de micros e pequenas empresas (MPEs) do Estado e do país vizinho. O memorando foi assinado em Assunção, capital do Paraguai, pelos presidentes do Sistema Fiep, Edson Campagnolo, e da UIP, Eduardo Felippo.

O convênio tem a intenção de aproximar as duas entidades para o desenvolvimento de projetos conjuntos. Uma das primeiras ações prevista é a realização de programas de estágio de alunos e docentes do Centro Paraguaio de Produtividade e Qualidade (Cepprocal) em empresas, faculdades e instituições de educação do Sistema Fiep. Ligado à UIP, o Cepprocal oferece serviços de consultoria e capacitações relacionados e produtividade, qualidade, marketing e vendas, especialmente para MPEs.

O ministro Gustavo Leite, o presidente do Foro Brasil-Paraguai, José Daniel Nasta, Edson Campagnolo e o diretor-superintendente do Sebrae/PR, Vitor Tioqueta

Também em Assunção, Campagnolo participou do lançamento da 8ª Expo Paraguai Brasil e 2ª Expo Maquila. O evento, que será realizado nos dias 14 e 15 de setembro, na capital paraguaia, é uma feira multisetorial que busca promover o intercâmbio comercial, cultural e turístico entre os dois países. Durante o lançamento, o presidente do Sistema Fiep participou de um debate em que estiveram presentes também o ministro de Indústria e Comércio do Paraguai, Gustavo Leite, o presidente do Foro Brasil-Paraguai, José Daniel Nasta, e o diretor-superintendente do Sebrae/PR, Vitor Tioqueta.

Na ocasião, o presidente do Sistema Fiep também recebeu uma homenagem do Foro Brasil-Paraguai. O Sebrae, do qual Campagnolo é presidente do Conselho Deliberativo  no Paraná, é uma das instituições que apoiam a 8ª Expo Paraguai Brasil.

A visita da comitiva paranaense ao Paraguai teve ainda, nesta quarta, um almoço com o embaixador do Brasil em Assunção, José Felicio. A agenda segue nesta quinta-feira (3) com visitas a algumas empresas maquiladoras instaladas na região da capital paraguaia. Pelo chamado Regime de Maquila, as empresas podem importar matérias primas e insumos com suspensão de impostos e, na hora de vender o produto acabado para o exterior – o que inclui o Brasil –, pagam um imposto único de 1% sobre o valor agregado à mercadoria.

About Author