Premiação divulga vencedores da etapa estadual da World Skills

Fase nacional acontece em 2018 e a mundial em 2019, na Rússia

A World Skills, maior competição de educação profissional do mundo tem o objetivo de promover habilidades técnicas, práticas e inovadoras em jovens de até 21 anos. Na última semana, a etapa estadual da competição movimentou os alunos de diferentes unidades do Senai no Paraná e foi encerrada na sexta-feira (15), nos auditórios das unidades Senai CIC e Senai Londrina, com a divulgação dos premiados. Entre algumas modalidades concorrentes estavam Mecatrônica, Tecnologia Automotiva, Tornearia CNC, Movelaria, Fresagem CNC e Tecnologia da Moda.

Ao todo, seis alunos da unidade Senai CIC conseguiram a medalha de ouro e, consequentemente, serão candidatos a participar da etapa nacional. No ranking de medalhas, em segundo lugar está o Senai Londrina com cinco medalhas de ouro; seguido das unidades de Costeira, em São José dos Pinhais, com três; Afonso Pena, também em São José dos Pinhais, com duas; Ponta Grossa, com duas; e Cascavel, Rio Negro, Pinhais e Toledo com uma medalha de ouro cada.

Entre os alunos vencedores está Andressa Laskoski, que ficou em primeiro lugar na ocupação de Fresagem CNC. Para ela, o resultado foi uma surpresa. Até o último minuto, ela e o outro aluno que estavam competindo na categoria, ficaram com resultados muito parecidos. “Foi inesperado, mas esse resultado dá motivação para dar o meu melhor para as próximas etapas”, afirma.

Com o auditório lotado, a premiação contou com os discursos da gerente executiva de Educação do Sistema Fiep, Giovana Punhagui, da coordenadora de Educação Profissional do Senai, Vanessa Frason, da gerente da unidade Senai CIC, Tânia Rinaldi, e do delegado técnico da equipe paranaense da World Skills, Marcos Pires. Houve também uma homenagem aos alunos que competiram na última edição da World Skills e foi apresentado um vídeo com uma retrospectiva do que aconteceu na semana durante a competição.

Para Marcos Pires, este ano, a competição estadual foi de alto nível e estimulou a competitividade saudável entre os alunos. “Os estudantes que conseguiram vencer essa primeira etapa ainda têm um longo caminho pela frente, vencer essa primeira fase é só o começo. Agora eles precisam continuar focados, mantendo a concentração em suas ocupações”. A etapa nacional acontece em 2018 e a etapa mundial em 2019, em Kazan, na Rússia.