Últimos dias para indústrias do PR participarem da Bússola da Inovação

Empresas que responderem questionário até sexta-feira (3/9) ganham acesso gratuito ao Guia de Segurança Cibernética do Sistema Fiep

Vai até o próximo dia 30 de setembro o prazo final para que indústrias paranaenses de todos os portes e regiões do estado possam responder ao questionário da Bússola da Inovação. A ferramenta é online, gratuita, e foi desenvolvida pelo Observatório Sistema Fiep para medir o grau de inovação das empresas e incentivá-las a adotar práticas alinhadas às necessidades do mercado. O objetivo é que as empresas possam, a partir do diagnóstico detalhado, transformar processos, ganhar eficiência e aumentar sua competitividade no curto prazo. Para participar, basta acessar a plataforma neste link e responder à pesquisa.

Empresas que finalizarem respostas até a próxima sexta-feira terão acesso gratuito ao Guia de Segurança Cibernética.

As empresas que conseguirem finalizar as respostas até dia 3 de setembro, próxima sexta-feira, ganham o direito de acessar gratuitamente o Guia de Segurança Cibernética para Pequenas Empresas, material que traz um resumo das principais ameaças e estratégias para empreendedores garantirem a segurança de suas operações em uma linguagem clara e objetiva.

Para ter acesso ao guia, é necessário concluir as respostas ao questionário da 5ª edição da Bússola da Inovação e enviar um e-mail informando a conclusão para augusto.machado@sistemafiep.org.br ou pelo whatsapp (41) 98865-6719, solicitando o acesso aos arquivos.

Sobre a bússola

O projeto é atualizado a cada dois anos e desde 2012, quando foi lançado, já beneficiou três mil empresas do Paraná. Mais de 20 mil participaram do estudo e 30 mil pessoas estiveram envolvidas nos processos de avaliação. A Bússola da Inovação visa fortalecer o ambiente de negócios por meio da disseminação de práticas inovadoras. As empresas participantes têm acesso gratuito a informações sobre tecnologia, investimentos, equipamentos e métodos ágeis. O resultado da pesquisa fica salvo numa plataforma segura e a cada edição é possível comparar o grau de evolução. De quebra, os participantes também recebem sugestões de medidas a serem implementadas para melhorar a performance e recebem auxílio de um especialista para esclarecer dúvidas. Elas também têm acesso a parcerias e recebem convites para eventos sobre o tema.

Sobre o Guia de Segurança Cibernética

O material é dividido em duas partes. A parte I reúne os capítulos um e dois. No primeiro capítulo, o usuário encontra dados sobre os tipos de ameaças mais comuns. O que pode ser uma ameaça, quem está por trás dela, por que cometem este tipo de ataque e como se proteger deles. No segundo, o material enumera as estratégias para o empresário manter a segurança de seus dados agora e no futuro, com nove dicas básicas de preservar as informações em suas redes. Estes dois primeiros estágios do guia são gratuitos e já estão liberados. Já a parte II, trata das iniciativas para mitigar os ataques cibernéticos e minimizar os efeitos dessas ameaças.

 Para ter acesso à Parte II do Guia de Segurança Cibernética, basta acessar este link e responder à pesquisa Bússola da Inovação.

About Author