Sistema Fiep entrega carrinhos elétricos do Projeto Formiga à prefeitura de Curitiba

Equipamentos serão destinados a duas associações de coletores de materiais recicláveis para que sejam testados em condições reais de uso

Entrega foi feita na associação Acuba, na Cidade Industrial de Curitiba (Fotos: Gelson Bampi)

O Sistema Federação das Indústrias do Paraná (Fiep) entregou à prefeitura de Curitiba, nesta terça (19/09), dois carrinhos elétricos desenvolvidos por meio do Projeto Formiga para oferecer mais qualidade de vida aos coletores de materiais recicláveis. Os equipamentos foram entregues ao Programa Ecocidadão, conduzido pela Secretaria Municipal do Meio Ambiente (SMMA), que reúne 40 associações de catadores na capital.

O objetivo é que eles sejam testados em situações reais de uso, em mais uma etapa para analisar a viabilidade da iniciativa. A entrega foi realizada na Associação de Catadores Acuba, na Cidade Industrial de Curitiba. Além dela, a Associação de Catadores Mutirão, do bairro Sítio Cercado, também receberá uma unidade.

Presente na entrega, o presidente do Sistema Fiep, Carlos Valter Martins Pedro, afirmou que o Projeto Formiga é uma iniciativa social de muita abrangência. “A reciclagem é uma atividade de extrema importância, que além de garantir o sustento de milhares de famílias, também traz ganhos ambientais muito grandes”, disse. “Estamos entregando essas duas unidades para um teste real de uso, esperando que atinja o objetivo de melhorar a qualidade de vida desses profissionais”, completou.

Prefeito de Curitiba destacou o caráter inovador do projeto

O prefeito Rafael Greca também destacou a importância social do trabalho das associações de catadores. “O lixo que não é lixo vira comida, cobertor, remédio e a criação dos filhos e dos netos de gerações de carrinheiros. Neste carrinho, a força motriz não é mais o cansaço ou o suor, mas é a eletricidade”, afirmou. “Nossa ideia é que aproveitem essa invenção, porque a inovação só vale quando se transforma em processo social, quando ajuda as pessoas a ter uma vida melhor”, acrescentou.

Já a presidente da associação Acuba, Iva Aparecida Pierrotti Moreira, agradeceu pela proposta do Projeto Formiga de melhorar a qualidade de vida dos coletares de recicláveis. “Os carrinhos que puxar são muito sofridos, então esses carrinhos elétricos vão ajudar muito”, disse. Segundo ela, a associação recebe em média 10 toneladas de materiais reciclados por semana, sendo que parte desse volume é coletada por carrinheiros nas redondezas do barracão da Acuba, onde é feita toda a separação do material.

Também participaram da solenidade de entrega dos carrinhos o vice-prefeito de Curitiba, Eduardo Pimentel, a secretária municipal do Meio Ambiente, Marilza do Carmo Oliveira Dias, e os vereadores Zezinho do Sabará e Beto Moraes.

Sobre o Projeto Formiga
O Projeto Formiga foi criado pelo Sistema Fiep, por meio dos Institutos Senai de Tecnologia e Inovação, Responsabilidade Social e do Centro de Inovação Sesi, em parceria com as empresas ELO Baterias, Rhino e Two Dogs, além da ONG Gerando Falcões. O projeto foi desenvolvido em apenas quatro meses, envolvendo mais de 40 profissionais.

Com capacidade para transportar até 600 quilos de carga, o carrinho elétrico oferece melhores condições de trabalho para os catadores, incluindo compartimentos para que possam guardar pertences pessoais e seus alimentos de forma protegida. Também incorpora itens de segurança para esses profissionais. No projeto, os pesquisadores do Senai, com apoio do Sesi, realizaram uma imersão com um catador da Vila Torres, em Curitiba, e uma visita à Associação Vitória, no bairro Xaxim, com o objetivo de fazer uma análise técnica de usabilidade, ergonomia física e cognitiva.

No fim de 2022, o Projeto Formiga foi premiado no Design for a Better World Award, concurso que reconhece ideias transformadoras.

Sobre o Programa Ecocidadão
Criado em 2007, o Ecocidadão conta com 40 associações de catadores e mais de mil associados beneficiados. Os barracões recebem o material da coleta feita pelos caminhões do Lixo Que Não É Lixo, além de material entregue diretamente pela população ou por empresas e condomínios próximos.

Nos locais, é feita a separação, triagem e venda para reciclagem e reaproveitamento. Cada associação recebe um valor por tonelada pelo beneficiamento.

Sistema Fiep - Sistema Federação das Indústrias do Estado do Paraná
Av. Cândido de Abreu, 200 - Centro Cívico - 80530-902 - Curitiba-PR