Estagiário paranaense vence etapa nacional do Prêmio IEL de Talentos

Vinícius Gurski Ferraz desenvolveu a FranGPT, assistente virtual da Furukawa Electric LatAm integrada ao ChatGPT

Imagem mostra Vinícius com o troféu em mãos, ao lado de representantes do Sistema Fiep durante a premiação
Imagem mostra Vinícius com o troféu em mãos, ao lado de representantes do Sistema Fiep durante a premiação
Premiação aconteceu em São Paulo e consagrou os projetos mais inovadores do país / Foto: Arquivo pessoal

Na noite desta quinta-feira, 26, o paranaense Vinícius Gurski Ferraz ganhou o 1º lugar na etapa nacional do Prêmio IEL de Talentos. Ele conquistou o troféu na categoria Estagiário Inovador – Empresa de Grande Porte.

Estagiário na Furukawa Electric LatAm, Vinícius desenvolveu o projeto FranGPT, um chatbot integrado à interface de programação de aplicações (API) do ChatGPT para atender às necessidades dos clientes da empresa. O projeto teve a supervisão de Diego Sant Anna Mascarenhas.


Conheça os projetos que representaram o Paraná na etapa nacional.


O diretor da Federação das Indústrias do Paraná (Fiep), Lúcio Kamiji, destaca que este é o segundo ano consecutivo que estagiários paranaenses conquistam o Prêmio IEL de Talentos. “Isso reforça o papel do Instituto Euvaldo Lodi (IEL) Paraná, uma das instituições que fazem parte do Sistema Fiep, como um parceiro da indústria e de instituições de ensino no incentivo à captação e formação de talentos para as empresas”, afirma Kamiji, que é também presidente do Sindicato da Indústria de Tecnologia da Informação do Paraná (TI Paraná). “Essa premiação também mostra o quanto os programas de estágio são importantes tanto para a vida acadêmica e profissional dos estagiários como para as indústrias, que ganham fôlego com esses novos talentos e as inovações trazidas por eles”, afirma.

Estágio com um ótimo resultado

Vinícius Gurski no Prêmio IEL de Talentos
Foto: Arquivo pessoal

O contato com comunidades e fóruns sobre tecnologia despertou em Vinícius o interesse sobre inteligência artificial durante o programa de estágio. “Descobri que existia uma tecnologia facilitadora para fazer integrações, que permitia ensinar o ChatGPT. Estávamos participando do projeto de um chatbot da Furukawa e foi aí que a ideia surgiu”, conta.

Com o projeto de Vinícius, a atendente virtual da empresa, Fran, ganhou aprimoramentos. “Criei um banco de dados com todas as informações sobre os produtos da Furukawa, integramos este banco de dados com a API do ChatGPT e, então, criamos uma interface interligada com toda esta arquitetura”, explica o estagiário. A interface é um chat em que o cliente pode conversar com a atendente virtual e sanar dúvidas. As respostas são baseadas nas informações inseridas no banco de dados. “O diferencial é que, como usamos o ChatGPT, podemos implementar em qualquer país que a Furukawa esteja presente, pois a aplicação permite comunicação em diversos idiomas.”

Prêmio IEL de Talentos 2023

Com a premissa de incentivar a inovação, a educação e reter talentos no Brasil, a premiação reconhece estagiários, bolsistas do programa Inova Talentos, empresas de todos os portes e instituições de ensino técnico e superior, que promovem práticas inovadoras de estágio e apoiam a pesquisa, desenvolvimento e inovação (PD&I).

Criada pelo IEL em 2005, a premiação era conhecida como Prêmio IEL de Estágio, mas passou por uma reformulação para agregar participantes do programa Inova Talentos, um dos carros-chefes da instituição.

Nesta edição, os 1º, 2º e 3º lugares receberam, respectivamente, 110 mil, 55 mil e 27 mil pontos Livelo, além dos troféus e certificados.

Confira como foi a etapa nacional do Prêmio IEL de Talentos:

Sistema Fiep - Sistema Federação das Indústrias do Estado do Paraná
Av. Cândido de Abreu, 200 - Centro Cívico - 80530-902 - Curitiba-PR