É importante que a escolha tenha uma proposta pedagógica que proporcione, além do desenvolvimento de competências e habilidades da educação básica, promover atividades e experiências inovadoras e criativas, que desenvolvam o protagonismo do aluno. Particularidades de cada faixa etária devem ser levadas em conta. Em alguns casos, até mesmo a opinião dos filhos. Para falar sobre o assunto, o “Ligado na Indústria” conversou com Fabiane Franciscone, gerente de Educação Básica e Continuada do Sistema Fiep, e Simone Gianesini, psicopedagoga.


Mais episódios

#012

Covid-19 e a retomada das atividades presenciais

#011

Inteligência Artificial: conceito e impacto nas empresas

#010

A mulher e o seu papel no mercado de trabalho

#009

O acesso ao crédito para indústrias e empresas