Institucional > FIEP

Previdência

INSS firma parceria com Fiep e Fecomércio para agilizar perícia médica

INSS firma parceria com Fiep e Fecomércio para agilizar perícia médica



Ministro da Previdência, Nelson Machado, diz que entidades podem contribuir para reduzir filas e beneficiar os segurados 
 
O ministro da Previdência Social, Nelson Machado, assinou nesta sexta-feira (14), protocolo de intenções com a Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep) e com a Federação do Comércio (Fecomércio/PR) para implantar o agendamento de perícias para a concessão de licença médica e a solicitação de auxílio-doença pela internet. O agendamento eletrônico vai reduzir as filas nos balcões de atendimento do INSS e facilitar o atendimento ao segurado. “Uma pesquisa realizada pelo INSS em janeiro revelou que 63% das pessoas presentes nas filas pretendiam solicitar o auxílio-doença ou agendar a perícia médica”, revelou o ministro. Segundo ele, a possibilidade, a partir de agora do agendamento eletrônica, certamente reduzirá as filas.

A parceria com a Fiep e a Fecomércio tem por objetivo disponilizar pontos de acesso à internet aos segurados. “Há muitas pessoas que ainda não dispõem de computador e este acesso poderá ser feito por meio de suas entidades ou empresas onde trabalham”, disse o ministro. O presidente do Sistema Fiep, Rodrigo da Rocha Loures, disse que todos os sindicatos filiados à federação – no total de 96 – serão informados e convocados a apoiar a iniciativa informando às empresas filiadas que, por sua vez, deverão disponibilizar este acesso aos seus funcionários.

“Vamos também acionar o Sesi, instituição do Sistema Fiep que atua na área social e de saúde para dar suporte ao INSS neste trabalho”, informou Rocha Loures. O presidente da Fiep disse ao ministro, durante a assinatura do documento, que a entidade quer contribuir para a melhoria da produtividade e qualidade do serviço público.


Internet – A possibilidade de marcar perícias médicas pela Internet (www.previdencia.gov.br) é um serviço oferecido pelo Ministério da Previdência Social (MPS), que visa agilizar o atendimento e reduzir filas (0800 78 01 91).


Para facilitar o acesso dos segurados à Internet, o Ministério já firmou parcerias com várias instituições, entre elas o Banco do Brasil, que dá acesso aos serviços por meio de 1.580 telecentros do Programa de Inclusão Digital em todo o país. Os segurados da Previdência Social também já podem acessar os serviços por meio dos terminais de computador disponíveis nos 22 Centros de Inclusão Digital (CIDs) que funcionam em 17 comunidades de Duque de Caxias, no Rio de Janeiro.


Entre as entidades patronais, já funcionam parceiras do Ministério da Previdência Social com as Federações das Indústrias da Bahia, do Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais. Acordos semelhantes também foram feitos com as Federações de Comércio e com a Federação Nacional das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas (Fenacon).

About Author