Institucional > FIEP

Comunidade do Heimtal, em Londrina, discute carências do bairro

Terceira etapa do Projeto Político de Desenvolvimento das Cidades do Paraná será realizada nesta quarta-feira (6)

clique para ampliar Curso de culinária foi uma das primeiras ações do Projeto Político de Desenvolvimento das Cidades na Vila Recreio, em Londrina (Foto: Divulgação)

Os moradores do Heimtal, em Londrina, farão um levantamento, nesta quarta-feira (6), das carências e deficiências encontradas no bairro para corrigir ou tentar diminuir os problemas e os obstáculos para percorrer o caminho em direção ao desenvolvimento local. O trabalho integra o Projeto Político de Desenvolvimento das Cidades do Paraná, da Rede de Participação Política – iniciativa do Sistema Federação das Indústrias do Estado do Paraná (FIEP). 

Neste terceiro passo do projeto, um questionário será aplicado aos participantes do encontro para mapear as necessidades do local e desta forma planejar uma agenda com ações a serem executadas ao longo de dez anos. Questões como a infraestrutura do bairro, problemas com lixo, poluição e degradação ambiental, corrupção e impunidade e a participação política da sociedade servirão como pontos de partida para discutir a atual situação do Heimtal. 

Os moradores seguem os passos de uma metodologia desenvolvida para o projeto e, mais adiante, realizam o chamado pacto pelo desenvolvimento local. Para o pacto serão convidados representantes de órgãos públicos e privados e todos os interessados para que, de um modo geral, a sociedade londrinense seja informada da existência do projeto e participe das ações planejadas. Os bairros Jardim Felicidade, Vila Recreio e Jardim Maringá também já fazem parte do projeto. 

Precursor

Em dezembro de 2008, cerca de 200 pessoas da Vila Recreio – primeiro bairro de Londrina a integrar o projeto, celebraram o pacto pelo desenvolvimento local, evento que serviu para que toda a comunidade tomasse conhecimento de todo o processo de implantação do projeto na localidade. Após meses de encontros e uma agenda definida, a intenção agora é articular as atividades com empresários e poder público, cada qual atuando dentro de sua competência. 

Modelo

A comunidade da Vila Recreio já está colocando em prática o projeto e buscando parcerias para promover as ações. Algumas iniciativas já estão em andamento. Através da doação de 17 latas de tinta, feita pelo depósito Alvorada, a associação de moradores está sendo toda pintada e reformada. “Vamos fazer um bingo no dia 9 de maio para arrecadar mais dinheiro para as obras”, conta Jovelino Rodrigues, presidente da Associação de Moradores e um dos voluntários que está vendendo as cartelas no valor de R$ 6 cada uma. 

A prefeitura também já se comprometeu a reformar a praça do bairro, começando pela reparação da instalação elétrica, já iniciada. O projeto de revitalização está sendo avaliado pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Londrina (IPPUL) e o espaço de lazer abandonado ganhará piso novo, aparelhos de musculação e um parquinho reformado. Com a doação de R$ 20 mil, feita pela empresa de ônibus Transportes Coletivos Grande Londrina (TCGL), um antigo módulo policial desativado dará lugar a uma biblioteca. 

Outro benefício conseguido com a união dos moradores foi um curso de culinária em parceria com o Moinho Globo, que cederá a cozinha industrial. O projeto envolve mais de quarenta moradoras da terceira idade da Vila Recreio. “Já estava tudo acertado. Pensamos em aulas mensais. O único impasse era como iríamos transportar as senhoras do bairro para a empresa onde será dado o curso, que já foi resolvido com o ônibus da Grande Londrina”, explica Andreliane Maistrovicz, uma das moradoras engajadas na ação.

Paraná

No estado, o Projeto de Desenvolvimento das Cidades do Paraná está em andamento em 24 bairros, nas cidades de Curitiba, Ponta Grossa, Maringá e Londrina – municípios onde atuam os núcleos de articulação da Rede de Participação Política. Algumas ações planejadas durante os encontros do projeto já estão sendo executadas também no bairro Ney Braga em Maringá; nas vilas Santana e Barreto, em Ponta Grosa; e no Jardim Santos Andrade, em Curitiba. 

Outras informações estão nos endereços eletrônicos www.redeempresarial.org.br ou http://redeempresarial.ning.com

Serviço:
Projeto Político de Desenvolvimento das Cidades do Paraná  
Data: 06/05/2009
Local: Escola Municipal Padre Anchieta
Endereço:
Rua Domingos Cantagali, 75. Londrina
Horário: 20 horas

About Author